ÀS SEGUNDAS DICAS DE PRIMEIRA

Às segundas dicas de primeira – E quando tudo parecia perdido, eis que...

Publicado por PONTO25 em 28/05/2018
Às segundas dicas de primeira – E quando tudo parecia perdido, eis que...

No dia-a-dia de uma empresa há clientes que vão e vêm, mas o que diferencia uma empresa eficiente das restantes é o facto de deixar escapar menos clientes.

Se o cliente foi embora, arregace as mangas e comece a trabalhar para que ele volte.

Conheça algumas dicas para recuperar clientes perdidos:

1. Entender o motivo porque o cliente foi embora
Poderão existir vários fatores para a perda de um cliente, um dos mais referenciados é o preço, no entanto antes do preço existem outros fatores como o desinteresse, falta de atenção, não entregar o prometido, não cumprir prazos, entre outros.

Antes de tudo precisa de perceber o que fez o cliente ir embora. De seguida garanta que os erros não se repetem, caso contrário continuará a perder clientes.

2. Descubra quem são esses clientes
De que vale recuperar um cliente que não é rentável? Apenas ter o cliente não resolve o problema da sua empresa.
O cliente precisa ser rentável.

Caso ele não seja, estabeleça uma parceria interessante, para que não traga prejuízos à empresa.

Preço, prazo, distribuição, qualidade do produto ou serviço, é fundamental perceber qual é o fator mais valioso para o cliente e então aproveitá-lo.

Não corra atrás de um cliente que foi embora, a menos que isso valha a pena.

3. Entenda o ciclo de compra
De quanto em quanto tempo o cliente compra?

Nem sempre o cliente troca os seus produtos ou serviços em detrimento de outro fornecedor. Pode acontecer de apenas não precisar daquilo que a sua empresa vende naquele momento.

Por isso, entenda primeiro como funciona o seu produto ou serviço no mercado.

Em muitos segmentos, um cliente inativo é aquele que fica mais de 10 dias sem comprar. Já em outros, clientes que compram anualmente estão em plena atividade.

4. Não deixe o cliente escapar pelos dedos
Isso não significa que têm de reconquistar o cliente a qualquer custo. Significa transformar uma relação comercial em um compromisso de servir o cliente.

Por isso, nunca se esqueça que a sua empresa depende do cliente. Uma relação comercial só vai funcionar se existir uma parceria proveitosa entre a sua empresa e o cliente.

Aceder à fonte da notícia